segunda-feira, 29 de abril de 2013

Beauty Traces: Papo sério!!!

Beauty Traces: Papo sério!!!:      Pessoal, bom dia! Se é que isso é possível hoje....      Mais uma segunda feira e hoje o meu papo sobre relacionamento tem a ver ...

(queridos que seguem o meu blog Essas Mulheres!!!, passem no BT, outro blog onde sou colunista de relacionamentos e sigam junto comigo ali tb ok? Será um prazer ter vcs ali participando conosco!)

quinta-feira, 28 de março de 2013

Páscoa!

     Eu (Jesus), sou o Caminho, a Verdade e a Vida, ninguém vem ao Pai senão por mim... João 14:6







     Vejo todo mundo comemorando a Páscoa e realmente acredito que é um momento de festa e de total importância para raça humana. Mas, fico me perguntando se as pessoas realmente entendem o significado daquilo que comemoram todo ano com o nome de Páscoa!
     Ouço muito falar sobre renovação, sobre recomeço, sobre fertilidade, prosperidade e coelhos e chocolates, e tudo isso parece ser muito bom e muito gostoso, mas nada tem a ver com o verdadeiro significado da Páscoa.


     Sim, Páscoa tem a ver com renovação, mas este significado é muito mais denso do que queremos comemorar na verdade, a palavra que cabe aqui é RESSURREIÇÃO! Isto implica no fato de que Alguém que estava vivo, MORREU e depois ressurgiu dentre os mortos e isso é PÁSCOA! É portanto muito mais que uma simples renovação. Tem a ver com um DEUS que nos amou de tal forma que deu o SEU FILHO para MORRER em NOSSO lugar e pagar por NOSSOS pecados naquela cruz!
     Então, quando comemorarmos a Páscoa, não devemos nos esquecer que ela nos lembra que ALGUÉM, puro inocente e justo morreu pra nos reconciliar com Deus. E portanto é Jesus que deve ser o Centro de nossas comemorações. Desejo a todos uma feliz e abençoada Páscoa, onde Jesus seja a principal razão de nossa comemoração. E que a VIDA DELE, flua na vida de cada um de vcs...


quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Tem compaixão de mim Senhor Jesus!

Hoje quero falar um pouco sobre pecado, ou melhor, quero me confessar. Parece um assunto incômodo e muito chato, mas na verdade, ele é mais real do que gostaríamos e infelizmente tb é parte do que sou. Digo parte, pq agora conto com o Espírito Santo que habita em mim, para tirar de mim essa parte tão indesejável, mas que ainda insiste em ser presente em minha vida.
Terminei de ler um romance sobre a vida de Arão e Deus falou muito comigo, me colocando de frente ao meu espelho e me mostrando através de Arão, como sou pecadora e imperfeita e como é sutil este pecado que habita em mim. passamos a maior parte do tempo de nossas vidas tentando negar a nossa miséria e nos convencendo de que tudo está em ordem. Gostamos de pensar que pecado é matar, roubar, etc... o que nos faz sentir que de alguma forma, estamos bem"na fita". Mas isso e td mais que chamamos de pecado é só as consequências do mesmo. O pecado é muito mais sutil do que isso. Peco qdo odeio o meu irmão, peco qdo em minha vaidade, me acho melhor do que o outro que está ao meu lado e por isso o trato com desprezo. Peco qdo quero pra mim a Glória e o louvor que são do Senhor Jesus. Peco qdo sou má agradecida pelo que tenho, querendo pra mim o que Deus não quis me dar. Pq pecado, é o velho desejo de sermos iguais a Deus! O velho desejo de termos para nós o Glória que é dele e de sermos independente Dele, custe o que custar. E qdo olho pra isso, percebo que, não fosse a Graça de Deus, estaria completamente perdida. É tão difícil se olhar no espelho do Espírito Santo. Dou de cara com o meu interior e vejo quão pobre e suja sou em minha natureza e quão carente da graça de Deus eu sou. Nada tenho em mim que seja bom. Nada que possa dizer que já foi transformado.
Estes dias vi o meu filho compartilhar que não conseguia entender como podia passar dias sem ler a Bíblia, qdo sabia o quanto isso era maravilhoso e bom para ele. Assim como ele, tb sou inconformada com essa situação, mas não é o que vemos desde o início da criação? O homen sempre tentando se esconder de Deus? Adão e Eva recebiam a visita do próprio Deus diariamente em seu jardim, e mesmo assim optaram pela separação e pela independência. Israel foi liberto das mãos de Faraó, para estar na presença do Senhor Deus que cuidava deles visivelmente e diariamente, e ainda assim, sonhavam em voltar para a escravidão. Assim é toda a nossa história desde a criação e em nada temos sido diferentes daquele povo obstinado que Deus tirara do Egito. Continuamos murmurando e desejando o que não temos. Continuamos reclamando e reclamando de tudo que Deus quer nos dar e já nos deu. Pq Senhor, pq insistimos em ser assim? Até qdo Senhor? Até qdo? Até qdo seremos estúpidos assim? O ESPÍRITO SANTO DE DEUS habita dentro de mim, mas ainda assim isso não é suficiente pra que minha vida seja vivida de forma a agradar o meu Senhor. Faço pouco de sua Presença e insisto em Ignorá-lo. Pq sou abençoada e muito bem cuidada por Deus, me acho no direito de olhar pro meu irmão e julgá-lo por aquilo que ele faz de errado, qdo eu mesma estou sentada em cima de meus próprios erros e não me dou conta disso. Deus, Senhor Jesus, Espírito Santo, tenha misericórdia de mim. Existem muitas coisas que não entendo e muitas que penso entender mas que não me garantem absolutamente nada, então o que me resta é confiar em sua misericórdia e em seu amor que me perdoa a cada manhã, antes mesmo que eu abra meus olhos. Só o que de fato tenho é a fé no seu Amor por mim. Do mais, só o que posso dizer é que estou perdida! Tem compaixão de mim Jesus e me transforma pra que possa ser o que planejou que eu fosse desde o princípio. Lava-me Senhor em teu sangue e livra-me dos meus pecados, inclusive daqueles que nem se quer me dou conta de cometê-los. Corrupto é o meu coração e muito enganoso, mas a tua misericórdia me alcança, como alcançou o teu servo Arão, a despeito de tudo que ele fez. Dá-me plena consciência de minha situação, pra que eu possa ter misericórdia do que está ao meu lado, assim como desejo que o Senhor tenha comigo. Dá-me compaixão por aquele que precisa do Senhor e de sua ação, tanto quanto eu preciso. Tira de mim todo meu orgulho e arrogância. Tira de mim, toda minha vaidade e egoísmo, pra que eu possa servir o meu irmão como eu mesmo tenho sido servida pelo Senhor. Lava-me Senhor Jesus e livra-me dos meu pecados. Livra-me de querer a sua Glória. Livra-me de desejar o seu lugar. Em nome de Jesus, que morreu por mim, eu espero diariamente por tua salvação! Louvado seja o meu Senhor Jesus!

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Pensando....só pensando...

Tenho escrito e aprendido muitas coisas com essas mulheres da bíblia, mas uma hoje está me chamando a atenção, e gostaria de compartilhar com vocês.
Todas essas mulheres, sem tirar nem uma, estavam sob o olhar atento de Deus, fizessem elas parte do "povo de Deus" ou não, elas estavam embaixo do controle soberano de Deus. E todas elas existiram pra cumprir com um propósito de Deus sobre a vida delas, de cada uma das pessoas ao seu redor, circunstâncias e épocas de suas vidas. Às vezes pensamos que Deus está preocupado apenas com "os crentes" e como diz uma querida amiga minha, sofremos da terrível doença do "si achando", mas nos enganamos a nós mesmos, porque o amor e os propósitos de Deus, vão muito além de nosso quadradinho.
Olhem por exemplo para a vida de Agar, ou de Tamar, de Raabe e de Rute, ou de Maria Madalena, de Marta e Maria, de Safira e de Priscila. São tantas as mulheres, em épocas e contextos os mais variados, mas cada uma estava ali com um único propósito, cumprir a vontade do Senhor Deus.
As vezes pensamos que somos invisíveis aos Seus olhos, ou que Ele não se importa, ou que Ele permite que pessoas ruins nos atinjam e nos machuquem, mas nos esquecemos, que tudo no universo conspira pra nos levar de volta pra junto de nosso Criador e nos fazer semelhantes a Jesus o seu filho amado! Talvez se tivéssemos uma consciência mais apurada disso, pudéssemos olhar para as pessoas e circunstâncias de forma bem diferente da que vemos. Seríamos talvez menos egocêntricos e mais missionais, mais relevantes em nossa caminhada de vida. Pararíamos de nos preocupar só com o nosso umbigo e entenderíamos que estamos aqui fazendo parte de algo muito maior que nossa vidinha pobre e medíocre. Reagiríamos de forma bem diferente, sabendo que nossos interesses, na verdade, não passam de vaidades fúteis e mesquinhas.
Mas, voltando para as mulheres da bíblia, elas também nos mostram que Deus trabalha em cima de nossas escolhas, sejam elas boas ou ruins e que nada frustra os planos de Deus, todavia, frustra os nossos e as vezes nos fazem sofrer de graça, só porque queremos as coisas do nosso jeito. Perdemos a grande oportunidade de fazermos parte do que é Maior, por causa do insignificante. Sei que depois de tanto tempo em silêncio, essa palavra de hoje pode parecer muito desconexa e sem sentido, mas pare um pouco e pergunte ao Senhor se de alguma forma, ela não faz sentido pra sua vida e sua história. Porque, pra minha vida faz todo sentido...é bom estar aqui outra vez...até...

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Ana, agraciada e agradecida!

Bem, como vimos, Ana volta pra sua casa aliviada por ter entregue sua angústia ao Senhor Deus e então ela e Elcana se relacionam e o milagre acontece! Ana já não é mais estéril, Ana está gravida! Penina já não tem mais esse trunfo nas mãos, Ana já não pode mais ser humilhada por Penina, ela enfim será mãe!
E passado o tempo de gestação, ela dá a luz um menino e lhe dá o nome de Samuel, pq disse: Eu o pedi ao Senhor.
O ano se passa e é hora de Elcana voltar ao templo, mas desta vez, Ana diz a Elcana que não irá, ela ficará com o menino até que este seja desmamado e então subirá com Elcana para consagrá-lo.E assim é feito, ano após ano até que Samuel fosse desmamado.
Passado este tempo, Ana sobe novamente ao templo, só que desta vez, ela sobe não mais angústiada e cheia de tristeza, mas muito feliz e agradecida a Deus pela graça recebida. Junto com ela agora, sobe o seu filhinho Samuel.

Chegando no templo, Elcana e Ana fazem seu sacrifício ao Senhor e depois procuram por Eli, e ao encontrá-lo, Ana lhe diz: "Meu senhor, juro por tua vida que eu sou a mulher que esteve aqui ao teu lado, orando ao Senhor. Era esse menino que eu pedia e o Senhor me concedeu o pedido. Por isso agora eu o dedico ao Senhor . Por toda a sua vida será dedicado ao Senhor." E ali adorou ao Senhor com uma oração de adoração e louvor! Então Elcana e sua mulher Ana voltaram para Ramá, mas seu filho Samuel passou a morar ali e começou a servir ao Senhor sob a direção do sacerdote Eli.

Ana cumpriu sua promessa feita ao Senhor e entregou o seu precioso filho ao Senhor. E a bíblia diz que assim deve ser sempre, qdo fizermos um voto é melhor cumprirmos, pq com Deus não se brinca. Mas nem sempre levamos isso muito a sério não é mesmo? Quantas vezes, passamos por situações difíceis e pedimos que o Senhor nos socorra e por conta disso, prometemos coisas, mas depois que ele nos concede, esquecemos de cupri-las. Pedimos um filho como Ana, mas negligenciamos sua educação espiritual, deixando-a em segundo plano, ou pedimos um trabalho e o Senhor nos dá, mas então não temos mais tempo pra darmos ao Senhor pq afinal de contas agora o trabalho toma todo nosso tempo e energia. Pedimos saúde e um corpo saudável, mas usamos nosso corpo e saúde para fazer coisas que nosso Senhor desaprova.
Devemos tomar muito cuidado com isso e saber que Deus é AMOR, mas tb é Justiça e não deixa o nosso pecado impune! Por isso, pense muito bem antes de fazer um voto ao Senhor! E lembre-se que, o que ele quer de nós é um sacrifício vivo, santo e agradável aos seus olhos e não promessas vãs, que nos iludem e nos fazem pensar que podemos com alguma ação transitória e passageira de nossa parte pagar qquer coisa que Deus em sua graça e misericórdia tenha resolvido nos dar! Ele quer de nós a nossa vida diária!

Sacrifício vivo, significa ter uma vida de obediencia a vontade e ao governo de Deus para sua vida! Então, pare um pouco agora e faça um pequeno balanço de como vc tem vivido a sua vida ultimamente. Ela está de acordo com a vontade de Deus pra vc? Se não está, aproveite este momento de reflexão, e se arrependa diante de Deus em oração e peça que ele novamente venha governar sobre suas vontades e sobre os seus sonhos, entregando outra vez a sua vida nas mãos dele. E deixa que Ele e só Ele te conduza.
E não tenha medo, confie que Deus te ama e de fato sabe o que é o melhor para vc e para aqueles que vc ama!
A história de Ana, só foi narrada até aqui, mas ela não acaba aqui. E vida de Samuel, nos dá testemunho da fidelidade e do temor de Ana para com o Senhor, que assim seja com vc tb.

Ah!!!! Antes que eu me esqueça, Ana dedicou Samuel ao Senhor e desde novinho ele foi servir ao Senhor no templo, portanto, ficou separado de Ana, mas o Senhor lhe deu mais filhos e filhas depois de Samuel!
O Senhor sempre faz muito mais do que pensamos ou sonhamos!

Nossa próxima personagem será a MULHER VIRTUOSA! citada no livro de Prov. 31.

sábado, 16 de outubro de 2010

Vem cá....te conheço?????

Acho que essa seria a minha primeira resposta, ou então eu diria como o Chaves: Vc não vai com a minha cara??? rsrs... Me mira, mas me erra! Entre outras respostas do gênero, mas Ana, apenas foi sincera e transparente com ele abrindo o seu coração: "Não se trata disso meu senhor. Sou uma mulher muito angustiada. Não bebi vinho nem bebida fermentada, eu estava derramando a minha alma diante do Senhor. Não julgues tua serva uma mulher vadia, estou orando aqui até agora por causa de minha angústia e tristeza."
Depois disso, Eli, espero eu, morto de vergonha pelo mico que acabara de pagar, respondeu a Ana: "Vá em paz, e que o Senhor lhe conceda o que vc pediu." E Ana ainda disse: Espero que sejas benevolente com a tua serva!" Então ela seguiu o seu caminho, comeu e seu rosto já não estava mais abatido.
Na manhã seguinte eles se levantaram, louvaram o Senhor e voltaram pra casa em Ramá.

Quero hoje compartilhar com vcs, duas coisas que devemos fazer qdo estamos como Ana, em grande angústia e agonia. A primeira é nos colocarmos aos pés do Senhor como ela fez e clamar por socorro. O Senhor nos garante que ele ouve e responde as nossas orações. A outra coisa é que devemos compartilhar com alguém sobre a nossa angústia, um amigo, um companheiro, um irmão, um mentor, alguém que saiba lhe escutar e que tenha nele a sabedoria do Senhor.
Mas infelizmente, o que acontece é que, normalmente, ficamos nos debatendo em meio a correnteza sózinhos e vamos em direção ao abismo com grande velocidade sem nos darmos conta de que temos alguém que só espera que o chamemos para correr em nosso auxílio. A história de Ana diz que todo ano ela subia, mas que houve uma certa vez, em que ela resolveu se derramar diante do Senhor. Qdo sua dor já era insuportável, ela então buscou ao Senhor, ela poderia ter feito isso muito antes, não é mesmo? Talvez tivesse economizado muita dor e sofrimento.

A Bíblia tb nos conta que além disso, ela abriu o seu coração para Eli. Essa é a outra forma que Deus usa para nos curar de nossas dores, de nossos pecados e de nos transformar. Ela colocou pra fora toda a dor que estava sendo reprimida e contida por tantos anos. E como resposta a essa ação de Ana, depositando no Senhor a sua esperança, ela sai do templo com a alma limpa e o coração aliviado. Agora ela sentia fome novamente e tb se sentia animada para prosseguir e o seu rosto já não era mais triste e abatido.

Essa é a história de Ana, mas a experiência que ela teve com Deus, não é um privilégio só dela. Deus deu a mesma oportunidade a cada um de nós. É só obedecermos as suas orientações. Qtas vezes, eu mesma já vivi essa alegria de ser cuidada pelo Senhor, só pq O chamei para perto e pedi por seu socorro. Mas nossa tendência miserável é sempre fugir do Senhor.
Pq na verdade, não cremos no poder do evangelho, não cremos na verdade que a bíblia traz, não cremos em Deus e em suas promessas. A verdade é dura, mas é real, NÃO CREMOS!, pq se de fato nós acreditássemos como aliás dizemos crer, certamente teríamos uma vida rica e cheia de significado, uma vida sem a paralisia e o desespero do medo, uma vida cheia do Amor de Deus que nos faz seres íntegros e completos.
Ana não sabia se Deus iria lhe dar o que suplicara, mas só o fato de depender Dele em sua agonia, a fez sair do templo curada de sua dor.

Sinceramente, eu espero que Deus aumente a nossa fé e nos faça bem aventurados, ao ponto de crermos Nele em meio a nossa vida. E que vc se lembre, que Ele está bem ao seu lado, só esperando que vc o convide para entrar em sua história. E Ele te encontrará através do seu filho Jesus, que morreu, mas tb ressussitou, e fez isso para que nós tb tenhamos uma vida eterna ao seu lado, mas tb uma vida abundante aqui na terra. Ele só espera por seu convite! Assim como Ana, eu tb O chamei para estar comigo e entreguei minha vida em suas mãos. Agora é com vc, não perca mais tempo, certamente vc não irá se arrepender.
Faça isso agora e depois conversaremos mais um pouco sobre essa história de Ana, que ainda não acabou!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Agora a menina da vez é Ana!

UFA!!!! Achei que nunca mais iria sair do luto pela morte de Sara! haha... brincadeirinha....
É que depois da "morte de Sara" tb vivi outras lutas e perdas e fiquei totalmente off em ânimo e inspiração. Mas vamos ao que interessa não é mesmo? Nossa próxima mulher em foco é Ana, a mãe de Samuel.

A história de Ana, já começa pelo fato de que ela era a mulher de Elcana, que por sinal tinha uma outra mulher chamada Penina. Como se já não bastasse o fato de ter de dividir o marido, ela ainda era estéril, enquanto que Penina tinha filhos e filhas com ele.
E não venham argumentar comigo, que isso era absolutamente normal na terra, época ou cultura deles, pq não era, aliás nunca foi e continua não sendo. Não é pq fazemos as coisas como nos dá na cabeça e em nosso mísero entendimento ou "cultura", que as coisas dão certo ou são certas. Os nossos costumes e cultura, precisam ser avaliados sob os valores e princípios de Deus, e não dos homens. Mas isso é outro assunto....

Deus criou o Homen e a Mulher e não O Homem e AS suas Mulheres! Desde o início, isso sempre foi problema. Sempre gerou ciúmes, brigas, intrigas e muita dor. E não foi diferente com Ana e Penina, apesar de Ana ser agraciada com o amor de seu marido.
Imaginem como se sentia Penina...tinha filhos e filhas, mas não o amor de seu marido.
Todo ano, qdo Elcana ia ao templo adorar, servia as porções do sacrifício por Penina e cada um de seus filhos e filhas, mas a Ana dava porção dobrada, pq a amava apesar de o Senhor te-la deixada estéril.

Penina como já disse e podemos imaginar, era ciumenta e tinha inveja de Ana, então não deixava por menos, nunca perdia a oportunidade de insultar e provocá-la. A bíblia diz que isso se repetia continuamente. Como vc reagiria a isso? Alguém te provocando o tempo todo?!
A bíblia tb diz que elas eram rivais, o que significa que o relacionamento entre todos, devia ser bastante tenso.
O texto não me permite afirmar sobre Penina e seus filhos, quanto ao fato deles acompanharem Elcana na viagem ou não, mas posso afirmar que todos os anos, Elcana subia pra adorar e Ana ia com ele. Cada vez que chegava a hora de subirem, Penina atormentava a vida de Ana com provocações e isso sempre fazia Ana subir para o templo, muito triste, amargurada, ela chorava muito e não comia nada. Então, Elcana a vendo assim, perguntava:
"Ana pq vc está chorando? Pq não come? Pq está triste? Será que eu não sou melhor do que dez filhos?"

Certa vez, Ana estava dentro do templo, assim como o sacerdote Eli, e num dado momento, Ana se levanta e com a alma amargurada, chorando muito, ora ao Senhor fazendo um voto: "Ó Senhor dos Exércitos, se o Senhor der atenção a humilhação de sua serva, se lembrar de mim e não esquecer a tua serva, mas lhe der um filho, então eu o dedicarei ao Senhor, por todos os dias de sua vida, e o seu cabelo e a sua barba nunca serão cortados."

Ana, leva ao Senhor o seu sofrimento e o seu desespero e pede ao Senhor que transforme a sua história de humilhação em alegria. Ela sabia que só o Senhor poderia mudar a sua história. Ela clama ao Senhor com tanta intensidade, apesar de faze-lo silenciosamente, que Eli, ao observá-la, pensa que Ana estava embriagada. Vai até ela e lhe diz: "Até qdo vc continuará embriagada? Abandone o vinho!"

É mole? Ninguém merece! Vcs conhecem alguém assim? Aquela pessoa que tem sempre uma palavrinha de "consolo" pra te dar na hora que vcs mais precisam? Ele foi logo acusando ela de ser alcólatra. Ele deduziu e foi logo dizendo o que lhe deu na telha. Nem por um momento ele pensou em perguntar a ela o que estava lhe acontecendo. É horrível não é mesmo? Mas quantas vezes nós tb nos comportamos assim com as pessoas. Julgamos primeiro, pra perguntar depois.

Então, quero deixar hoje, duas reflexões: a primeira é pra quem vc tem pedido socorro em meio as suas lutas e angústias? Alguma vez já te ocorreu, levar a sua luta ao Senhor? E pedir socorro a Ele?
E a segunda, é como tem sido o nosso comportamento com o outro, quando vemos nele uma atitude que nos parece incompreenssível, ou até mesmo reprovavel a primeira vista? Por ex: como vc julgaria a Penina? Lembremos de tratar as pessoas como queremos ser tratados.
Como será que Ana respondeu a Eli? Isso veremos a seguir....